Parece estar localizado(a) em <country>

Visite o Site comercial da TENA para obter informação local.

O meu ente querido apresenta desafios em termos de saúde mental

Senhora mais velha sentada com senhora mais jovem – como cuidar de um ente querido que apresenta desafios em termos de saúde mental
O nível de apoio que o seu ente querido precisa depende da sua condição de saúde mental, assim como da sua saúde física.
 
Já deve ter percebido que o seu ente querido não tem capacidade de lidar com as coisas como lidava antes. Por exemplo, talvez se esqueça de algumas coisas. Ou talvez não consiga ir à casa de banho. Ou apresente alterações de humor significativas. Se o seu ente querido apresentar estes sintomas, esta secção é para si. Aqui pode obter dicas práticas sobre como proporcionar os melhores cuidados a um ente querido incontinente que apresente perturbações mentais. Mas também recomendamos que marque uma consulta no médico.

Estabelecer uma rotina para si e para o seu ente querido

Isso ajuda a que as pessoas que apresentam desafios em termos de saúde mental se sintam mais seguras. Aplica-se especialmente quando muda os seus produtos para incontinência. Pode ajudar a que o seu ente querido se sinta menos ansioso e mais descontraído se o fizer nas mesmas alturas do dia. E fazendo e dizendo as mesmas coisas quando o está a mudar. Desta forma, o seu ente querido saberá o que esperar no momento em que o está a mudar. E irá compreender quais os momentos para as refeições, sestas e outras atividades, tal como ver televisão. 
 
Se tiver de ceder as suas responsabilidades de prestação de cuidados a outra pessoa, será bom que essa pessoa compreenda a sua rotina. Se o seu cuidador de apoio continuar a fazer o mesmo, nas mesmas alturas, o seu ente querido sentir-se-á mais à vontade.  

Criar o ambiente adequado

Isto varia de acordo com a condição e situação do seu ente querido. Se o seu ente querido conseguir ir à casa de banho sozinho, certifique-se de que o caminho está livre de obstáculos. Tente criar o ambiente mais seguro possível. Pode fazê-lo adaptando o ambiente, comprando e instalando os produtos adequados. O objetivo é tornar possível para o seu ente querido usar o seu espaço de forma segura e confortável. Veja o que deve fazer, o mais breve possível:
 
  • Verifique os pavimentos de cada divisão onde é provável que o seu ente querido vá. São escorregadios? Representam riscos? Se assim for... 
    - Instale fita antiderrapante nos tapetes e deite fora as carpetes instáveis e danificadas. 
    - Adicione tapetes antiderrapantes onde o pavimento esteja molhado com frequência, tais como, na casa de banho e cozinha.
  • Adicione barras de suporte onde sejam necessárias para o seu ente querido – por exemplo, na casa de banho, no chuveiro ou banheira.
  • Identifique claramente a porta da casa de banho, com um sinal bastante visível. Também poderá substituir a tampa da sanita por uma mais colorida para que seja mais fácil de ver.
  • Instale um caixote de lixo com tampa para produtos para incontinência usados na casa de banho ou no quarto. Torna o ambiente mais agradável e mantém o lixo fora do caminho.
  • Adicionalmente, a pessoa de quem está a cuidar também pode preferir roupas que sejam fáceis de retirar, como saias largas e calças com cordão. As roupas fáceis de retirar ajudam o seu ente querido a sentir-se mais independente e pode prestar-lhe assistência mais facilmente.
Para outras dicas práticas sobre manter o seu ente querido seguro – incluindo conselhos sobre levantá-lo ou movimentá-lo – consulte as secções Segurança em casa e Ergonomia.

A importância da higiene

A higiene pessoal é uma parte importante da rotina diária de qualquer pessoa. No entanto, não é fácil ser-se tão direto quando cuidamos de uma pessoa cuja saúde mental e física está em declínio.
 
As pessoas que sofrem de demência podem ser menos cooperantes e mais resistentes à mudança. Consequentemente, cuidar da higiene do seu ente querido pode exigir muita paciência. Deve conversar ainda mais com o seu ente querido e passar mais tempo a lavá-lo. Saiba mais sobre incontinência e demência

Cuidar da pele dos idosos

Como já deve saber, numa idade mais avançada a nossa pele torna-se mais frágil e mais suscetível a lesões. Por esse motivo, precisa de cuidados especiais, com uma rotina de higiene suave que ajude a prevenir a irritação da pele e a infeção. Isto é especialmente verdade quando o seu ente querido é incontinente – a urina e as fezes podem lesionar a sua pele. Uma boa higiene para os idosos não só protege a saúde da pele; também tranquiliza o seu ente querido, ajudando-o a sentir-se mais limpo, confortável, fresco e saudável. Além disso, melhora a sua confiança.
 
Estes são os três passos para cuidar da pele do seu ente querido: limpar, restaurar e proteger. Para uma gama de produtos que abrange estes passos, especialmente concebida para a pele dos idosos, consulte a gama de cuidados da pele da TENA

Produtos para incontinência

É importante não esquecer que as pessoas com demência não estão particularmente abertas a mudanças. Então, talvez não compreendam porque está a fazer algo – por exemplo, quando está a ajudar o seu ente querido com a sua incontinência. É por isso que as cuecas para incontinência da TENA são concebidas para se assemelharem a roupa interior normal. Isto ajuda a que o seu ente querido se sinta confortável quando lhe muda a fralda. Os cuidadores experientes, incluindo os cuidadores em lares, afirmam que as pessoas com demência sob os seus cuidados oferecem pouca resistência a usar estas cuecas. 
 
Para um guia passo-a-passo sobre como colocar e mudar os nossos produtos para incontinência, visite a nossa página sobre mudar fraldas.

Ajudar o seu ente querido com a dieta e líquidos

Algumas pessoas com incontinência preocupam-se com o facto de ingerirem demasiados líquidos – julgam que isso apenas aumenta a sua vontade de ir à casa de banho. Por isso, talvez queiram ingerir menos líquidos. Isto pode tornar-se um problema – pode tornar a urina mais concentrada e colocar a sua saúde em risco. Então, tente incentivar o seu ente querido a beber normalmente, respondendo à sua sede natural. 
 
As refeições são importantes para o seu ente querido – não apenas pela alimentação e bebidas, mas também porque é uma oportunidade de passar tempo com outras pessoas. Seria bom se você, e até amigos e membros da família, tomassem as refeições com o seu ente querido. A sua companhia e a oportunidade de conversar e rir ajudam o seu ente querido a sentir-se bem. Tente servir as refeições às mesmas horas todos os dias. 

Sentir-se conectado às outras pessoas

Se o seu ente querido sofre de problemas mentais e mobilidade limitada, poderá não conseguir desfrutar dos seus antigos passatempos como antes. Qualquer que seja a sua condição, provavelmente continua a gostar que lhe pegue na mão, que o abrace e converse com ele. Seria bom se conseguisse encontrar novas atividades para fazer com o seu ente querido – coisas que o ajudariam a manter-se entretido e conectado. 
 
Os cuidadores experientes afirmam que até mesmo as atividades mais simples, quando feitas em conjunto, ajudam a melhorar o dia do seu ente querido. Aqui encontra algumas ideias de atividades para fazer com o seu ente querido.

Não espere para pedir ajuda

Quando a pessoa de quem está a cuidar tem demência e é incontinente, torna-se num desafio adicional. Os cuidadores experientes recomendam que procure ajuda e apoio de outras pessoas – familiares, amigos, comunidade local ou serviços estatais.

What are cookies?

Lorem ipsum dolor sit amet lorem ipsum dolor sit amet lorem ipsum dolor sit amet.