Opte por um consumo responsável: 10 conselhos para comprar de forma sustentável

A solução para muitos problemas ambientais está em cada um de nós, nos pequenos gestos e decisões que tomamos na hora de consumir. Converta estes truques em hábitos e colabore na construção de um planeta mais limpo.

Opte por um consumo responsável: 10  conselhos para comprar de forma sustentável

É um consumidor crítico e consciente das suas necessidades e das do planeta? Acredita na sustentabilidade? Procura apenas o melhor entre as coisas de que precisa para fazer da sua vida um lugar mais aprazível? Oferecemos-lhe aqui algumas dicas e truques para que possa comprar melhor.

 

1. Consuma menos, racionalize as suas compras

Sim, é muito tentador comprar um produto apenas com um clique. E ainda mais quando este se apresenta de forma tão chamativa, tão cheio de estímulos, com aquele tipo de oferta que o seu cérebro acredita que não pode recusar. Mas será que precisa realmente deste produto?

Pense que na verdade há uma hierarquia do consumo: reduzir compras, reutilizar, reciclar. Por fim, o que não compra é, sem dúvida, sempre a opção mais sustentável.

2. Compre com garantias

Parece um preconceito dizer que o barato sai caro, mas muitas vezes este preconceito esconde a maior das verdades. Procurar apenas o melhor ajuda a evitar chatices e novas compras.

Por exemplo, usar os produtos TENA Men vai ajudá-lo a evitar truques caseiros inúteis ou produtos menos eficientes e que, por isso, fazem com que tenha de voltar a comprar muito mais rapidamente. Quer dizer, acabará por gastar mais e só por isso já não serão produtos tão sustentáveis.

3. Tenha cuidado com o que compra para comer

Sim, o consumo responsável e sustentável também está relacionado com a alimentação. Não ajuda só a melhorar a qualidade de vida, algo que é urgente pensar especialmente a partir dos 50, mas também faz de nós pessoas mais sustentáveis e racionais.

Tenha presente que mais de 30% do fornecimento de alimentos acaba por se desperdiçar, segundo o Ministério da Agricultura dos Estados Unidos. Deste modo, compre apenas aquilo que vai comer e já estará a reduzir emissões de carbono. E, claro, menos desperdício de alimentos significa menos dinheiro atirado ao lixo.

Já agora, uma deita rica em verduras não é apenas mais sustentável, ajuda também, além de outros benefícios, a manter o coração saudável e a mitigar os efeitos da incontinência.

4. Compre produtos de proximidade

Já ouviu certamente falar dos produtos quilómetro zero. A característica principal destes produtos é a distância que se tem de fazer entre o lugar de produção ou recoleção e o ponto de venda, fazendo com que os níveis de poluição relacionados com o transporte seja muito mais baixos.

Estes produtos, além de terem um percurso inferior a 100 quilómetros de distância até ao ponto de venda,  têm de cumprir uma série de medidas de proteção meio ambiental, como não utilizar produtos químicos ou artificiais. Cuide do planeta e do seu meio ambiente, cuidando ao mesmo tempo de si.

5. Compre grandes quantidades de imperecíveis

Pense bem: comprar coisas a granel (desde alimentos a copos ou guardanapos) vai reduzir o consumo de materiais utilizados para embalar ou consumir. Se tem espaço para armazenar e é uma pessoa precavida, não tem dúvidas em optar por este tipo de compra.

6. Repare o que já tem

Por que razão vai mudar de computador ou de telefone quando ainda funcionam? Talvez tudo o que precisem é de uma limpeza a fundo que ajude a recuperar o sistema. E isto, não há volta a dar, é mais sustentável, barato e sensato do que investir num produto novo.

Pense nisto antes de comprar: preciso ou é apenas um desejo?

7. Leia os rótulos

São cada vez mais as lojas que disponibilizam informação online sobre os produtos, quer seja roupa, alimentos ou produtos absorventes. Leia os rótulos, veja a composição, o lugar de procedência, repare no prazo de validade, avalie as críticas... Tudo conta.

8. Viva de forma sustentável

Uma forma de envolver os seus (e também a si mesmo) no consumo crítico, sustentável e responsável é assumir esta forma de vida. Fomente entre os seus este estilo de vida, esteja a tento às notícias sobre estes assuntos e falem deles em família.

9. Experimente o valor da fidelidade

Se descobre um produto que é bom, rentável, sustentável e saudável, porque mudar? Não faz sentido. Não há nada melhor que experimentar o valor da marca e da fidelidade. Nunca é de mais comparar. E quando obtiver a satisfação que procura, fique com ela para sempre.

10. Seja consciente: a sustentabilidade é saúde

Não é só uma questão de poupança e consciencialização sobre o planeta, algo já por si maravilhoso, mas ser uma pessoa sustentável é também ter saúde. Eliminar produtos químicos da nossa cesta de compras ou comprar produtos mais naturais tem implicações diretas na nossa saúde.

Sempre que optar pelo consumo sustentável e racional estará a contribuir para a mudança de comportamentos e para que o nosso meio ambiente se encha de hábitos de vida mais saudáveis.

Artigos relacionados

Enfrente os 50 sem receios

Um dia acorda de manhã e tem 50 anos. Um número tão redondo e pesado que as pernas até tremem. Descontraia... é só um número. Ainda que tenha de se deparar com uma série de desafios físicos e psicológicos, estes podem ser os melhores anos da sua vida.